O manifesto dajoana

Se vieste à procura do perfil da Joana para a seguires nas redes sociais, deixa-nos ajudar-te: o botão retroceder fica lá em cima do lado esquerdo. Ao carregares, não vais encontrar a Joana, mas sim, uma página de marcas incríveis “made in Portugal”.

Mas já que aqui vieste, deixa-nos contar-te a nossa história. Vamos começar pelo princípio.

Lembras-te da Joana? Aquela miúda certinha, dedicada e bonitinha que andou contigo na escola? Partilharam correrias, gargalhadas e namoricos (e alguns arrufos). Boa aluna, uma das preferidas dos professores. Dividiram secretárias e brincadeiras. Colecionaram momentos com e como amigos. Cresceram juntos. Mas o tempo passou e a Joana seguiu para a universidade.

E tu também foste para a tua. Ela também entrou no curso que achava que era o tal, naquela faculdade onde lhe disseram que iria ser feliz. E estudou, por cá e por lá. Viajou e conheceu o mundo. E terminou o curso, com boas notas. Depois quis parar para pensar no passo seguinte mas foi interrompida pelas várias chamadas telefónicas para ir à fase seguinte. A do trabalho.

Das 9h às 18h, todos os dias. Começou a receber um ordenado e a gastar tudo em viagens, jantares com os amigos e roupa (nós tínhamos dito que ela era bonitinha, lembras-te?). Cruzou-se com boas pessoas, com pessoas assim assim, com desafios grandes e outros mais pequenos. Foi feliz e realizada, por uns tempos. Cumpriu com o sonho dos outros para ela, menos os dela própria. Queria mais.

E foi por isso que um dia decidiu largar tudo para montar o seu projeto, a sua loja, a sua marca. Uma expressão de si, para Portugal. Para o mundo, quiçá. E no final, até saiu uma coisa certinha, dedicada e bonitinha, como ela.

Isto faz-te lembrar alguma Joana? A nós faz.

Este projeto é o desta Joana mas podia ser o de tantas outras Joanas (e Joões) que têm sonhos, aspirações, ideias e vontade de arriscar. Nasceu com a Joana, é verdade, mas vão perceber que dá voz a muito mais gente!